Escolha uma Página

Fundo de Quintal, 1987 – Do Fundo do Nosso Quintal

8 maio, 2017 | Álbuns

Nesse disco de 1987, o Fundo e Quintal incluiu no repertório sambas basicamente compostos por seus integrantes. A excessão da faixa que abre o LP , o partido-alto “Eu não quero mais” de “Tio Hélio” dos Santos e da faixa que fecha o LP, o pot-pourri: “Mama Lala” (canção Angolana) / Clube Maritimo Africano que conta com a participação de Martinho da Vila. Martinho, quer por sinal, foi alvo de agradecimentos – juntamente com Beth Carvalho – na contracapa:

agradecimentos
Beth Carvalho (madrinha) Martinho da Vila (nosso embaixador no mundo negro) pela carinhosa participação especial, Manolo, BMG Ariola Discos, RGE, músicos, equipe técnica, imprensa e a todos os amigos do Grupo Fundo de Quintal.

lado A
1. EU NÃO QUERO MAIS
(Hélio dos Santos)
2. A CARROCINHA (Cachorro Quente)
(Arlindo Cruz / Sombra / Sombrinha)
3. JÁ FOI UMA FAMÍLIA
(Arlindo Cruz / Marquinho PQD / Franco)
4. EGOÍSMO
(Sombrinha / Arlindo Cruz / Sereno)
5. PRA QUE VIVER ASSIM ?
(Sombrinha / Adilson Victor)
participaçaõ especial Beth Carvalho
6. CHORA MENINA, CHORA
(Sombrinha / Luiz Carlos da Vila)
7. DO FUNDO DO NOSSO QUINTAL
(Jorge Aragão / Alberto Souza)

lado B
1. AMOR MAIOR
(Arlindo Cruz / Ubirany / Franco)
2. DE DON JUAN A ZÉ MANÉ
(Arlindo Cruz / Acyr Marques)
3. CONSELHO AMIGO
(Sereno / Noca da Portela)
4. PRA NÃO TE MAGOAR
(Jorge Aragão / Cléber Augusto / Franco)
5. O TEMPO
(Arlindo Cruz / Sombra / Sombrinha)
6. ANDEI, ANDEI
(Noca da Portela / Bira / Roberto Serrão)
7. MAMA LALA
(cantiga popular Angolana) R.D.
CLUBE MARÍTIMO AFRICANO
(Filipe Mukenga / Filipe Zau)
participação especial Martinho da Vila

GRUPO FUNDO DE QUINTAL.
Bira Presidente pandeiro
Ubirarry repique de mão e caixinha
Sereno tan-tan
Arlindo Cruz banjo e cavaquinho
Sombrinha violão de 7, 6 cordas e cavaquinho
Cleber Augusto violão de 6 cordas

Músicos
orquestração, regência e realejo (gaita) Rildo Hora
violão-tenor bandolim cavaquinho (solo) Mestre José Menezes
sanfona Chiquinho
trombone Roberto Marques
flauta Celso Woltzenlogel
cavaquinho (solo) Neco (2A-5A)
piano (mão direita) Misael Hora
surdo Gordinho
bateria Papão
repique (baqueta) Fugico (6B)
prato de cozinha Neoci (1A)
complementos de percussão Armando Marçal / Pirulito / Esguleba
atabaques e efeitos de percussão (som africano 7B) Armando Marçal
coro Leonardo Bruno (regente) / Martinho Antonio / Sombra / Grupó Fundo de Quintal / Mart´nália / Analimar / Zélia / Dinorah / Fátima Regina
ambientação Grupo Fundo de Quintal
cordas Pascoal Perrota
spalla Giancarlo Pareschi
arregimentação Jorge Correa
técnico de gravação e mixagem Jorge Teixeira (Garrafa)
auxiliares Sérgio Rocha / Marcelo Cerodio / Marquinhos / Beto / Julinho / Billy / Claudio de Oliveira
controle de estúdio Hélio de Freitas / Claudio Negão
montagem Ieddo Gouveia
corte José Oswald Martins
fotos Peddro Carvalho
coordenação gráfica Felipe Taborna
arte-final Eduardo Borges

produzido por Rildo Hora